Quais responsabilidades os crentes têm em relação ao arrebatamento?

Por causa desse glorioso evento que virá, o filho de Deus é instruído a fazer muitas coisas.
A. Ele deve participar dos cultos ao Senhor regularmente (Hb 10.25).
B. Ele deve participar da Ceia do Senhor tendo me mente o arrebatamento
1.Pergunta: por que a maior parte dos crentes evangélicos segue a ordenança do batismo apenas uma vez, mas participam várias vezes da Ceia do Senhor?
2. Resposta: por causa do que representam essas ordenanças. O batismo representa a morte, enterro e ressurreição de Cristo, que aconteceu apenas uma vez (Rm 6.3-5). Mas e a comunhão? Paulo não a associa à morte de Cristo também? Ele de fato o fez, e então acrescentou três palavras importantes: até que venha (1Co 11.26). Em outras palavras, a mesa do Senhor deve servir de lembrete da cruz histórica e da coroa profética!
C. Ele deve amar os crentes e todos os homens (1 Ts 3.12,13).
Paulo não nos admoesta a gostar de todos os crentes, mas a amá-los. O amor pode ser definido como um ato de um cristão  buscando o bem maior para outro cristão. Portanto, é possível amar aqueles de quem não gostamos!
D. Ele deve ser paciente (Tg 5.8).
Em vista do arrebatamento, podemos ser pacientes, pois sabemos que a história tem um final feliz – o Noivo consegue a Noiva (Ap 21).
E. Ele deve ter uma vida separada (Tt 2.12,13; 1Jo 2.28:3.2,3).
F. Ele deve deixar de julgar o próximo (1Co 4.5).
Na prática, isso significa que devemos deixar de julgar o motivo do crente ter feito algo que não podemos aceitar completamente ou que tenha visões teológicas um pouco diferentes da nossa. Um exemplo disso pode ser a forma do batismo.

Quando fores para o céu, provavelmente contemplará
Pessoas, lá em cima, cuja presença lhe chocará;
Mas fique em silêncio e não encare,
Pois haverá muitas pessoas surpresas em ver você lá!
(Dr. Harold L. Willmington)

G.Ele deve pregar para o mundo (2Tm 4.1,2; 1Pe 5.2,4).
H.Ele deve consolar os que estão de luto (1Ts 4.16,18).
I. Ele deve ganhar almas (Jd 1.21-23).
J. Ele deve estar preocupado com coisas acerca do céu (Cl 3.1-4).
Em vista de tudo isso, segue-se o vestir-se de linho finíssimo, que são os atos de justiça dos santos.(Ap 19.8).
Vejamos:
“Quando o Senhor retornar à terra para reinar,a noiva é vista como já recompensada,o versículo citado diz”atos de justiça”,é plural e não pode referir-se à justiça imputada de Cristo,que é a porção do crente,mas sim atos de justiça que passaram por um exame e tornaram-se base do galardão.”

[Pr.Ricardo Ribeiro-Batalha Espiritual]

No Apocalipse descobrimos que as vestes da noiva de Jesus são feitas de linho finíssimo, que são os Atos de Justiça dos santos. No texto original Atos de Justiça é dikaioma, que são todos os atos julgados tão justos que têm força de lei, que são aprovados por Deus. Ou seja, para estarmos aptos ao posto de noiva do Cordeiro, precisamos praticar atos que sejam aprovados por Deus. Cada ato de justiça é um fio finíssimo que tece as vestes nupciais. Quantos fios são necessários?
‘A roupa da Noiva, linho fino, que o texto explica como sendo as justiças, requer a tradução obras justas. Em outras palavras, o vestido da Noiva será feito das obras de justiça que ela realizou na vida. A Noiva é a Noiva por causa da justiça de Cristo; a Noiva está vestida para as bodas por causa dos seus atos.’ (Dr. Charles Ryrie)
“Você já parou para pensar que […], nas bodas do Cordeiro, cada um de nós estará vestindo a roupa que nós mesmos confeccionamos?” (Dr. Lehman)
Você aspira as bodas com Jesus? Então precisa aprontar as vestes, pois sem elas ninguém pode fazer parte das bodas. Quem nos ensina a tecer as vestes é o Espírito Santo, Ele sabe os atos que Deus aprova.
Como o noivo está voltando, se eu fosse você, focaria a vida em ataviar-se com os atos de justiça, para ser encontrado preparado e alcançar a grande herança.
Algumas referências bíblicas acerca dos “atos de justiça” dos crentes:
  • Honrar o pai e a mãe (Ef 6.1).
  • Orar pelas autoridades (1Tm 2.1-.3).
  • Amar a Deus sobre todas as coisas (Dt 6.5; Mt 6.33)
  • Amar o próximo (Dt 24.13; Pv 21.21; Is 32.17; Is 56.1; At 10.7)

Abaixo, um breve comentário sobre:

    A apresentação da Noiva do Cordeiro (Ap 21–22)
    Então veio um dos sete anjos[…]e falou comigo, dizendo: Vem, mostrar-te-ei a noiva, a esposa do Cordeiro. Ap 21.9

    A sua habitação – A Cidade Celestial (Ap 21.1 – 22.5)
















    O Seu Esposo – O Salvador Fiel (22.6-21)

    Até a próxima!
    Fica na paz!
    Você também vai gostar:  JOÃO E SUA VISÃO DO CÉU
    Se você tem curiosidades aguçadas em assuntos relacionados com o Céu e a volta de Jesus, separe um tempo e assista esse documentário. Muito bom!


    Deixe uma resposta

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *